Eu não vim para ser servido


A partitura que apresentamos da autoria do Pe. Nuno Queirós, da Diocese de Aveiro, foi um trecho inicialmente composto para as bodas de ouro sacerdotais do P. Carlos Alberto da Rocha Moreira, da Diocese do Porto, em Agosto de 2011, que escolhera como lema sacerdotal as palavras de Mt 20,28, e foi executado pela primeira vez, nesse contexto, pelo Grupo Coral Paroquial de Santa Cristina do Couto (Santo Tirso). A actual redacção que publicamos serve, entre outras possibilidades, de cântico de comunhão ou apresentação dos dons nalguns Domingos do Tempo Comum, como o XXIX Domingo do ano B que se aproxima. O andamento Lento pretende realçar o carácter afirmativo do texto, possibilitando uma interpretação mais expressiva.

0 comentários :