Sede a rocha do meu refúgio


Sede a rocha do meu refúgio, Senhor,

e a fortaleza da minha salvação. 

Para glória do vosso nome, guiai-me e conduzi-me


Uma excelente obra para Entrada do VI Domingo do Tempo Comum da autoria de Fernando Lapa. A antífona apresenta uma dinâmica interessante com o jogo entre vozes masculinas e vozes femininas. Esta, é acessível a coros que habitualmente cantam a 4 vozes. Os versículos apresentam-se para vozes femininas, contrastando com o resto da obra. Caso o coro não tenha possibilidades de cantar a antífona, poderá cantar o refrão e os versículos, estes podendo-se alternar entre vozes masculinas e vozes femininas.

0 comentários :